Wikipédia Quem Somos Mulher 500 Publicações Parceiros Links
Home Contato Wikipédia
  Nesta seção além de obter informações sobre as temáticas relacionadas ao papel da mulher na história do Brasil, você pode também nos ajudar a construir de maneira participativa e democrática o Dicionário Mulheres do Brasil - Volume II, através desta ferramenta.  
COLABORE
Login:
   
Senha:
   
Cadastre-se aqui
  Esqueci minha senha
 
Mini-biografias contidas no "Dicionário Mulheres do Brasil Volume I (publicado) e Volume II (a publicar).
 
Busca Alfabética
| A-C | D-G | H-L | M-P | Q-Z |
Busca Avançada
Nome:
Século:  
Estado:  
Etnia/Cor:  
Atividade:  
Palavra-chave  
Volume:   I II (Wiki)
 
  Guia de referência bibliográfica com a temática de gênero, etnico-raciais e direitos humanos.  
Busca
Palavra-chave:
   
Artigos, Dissertações e Teses.
Busca
Palavra-chave:
Tipos:
Nesta seção estamos disponibilizando cartazes produzidos pelo Movimento Feminista, Movimento de Mulheres, Ong's e Instituições públicas; que tratam de temáticas relacionadas a defesa dos Direitos Humanos das Mulheres.
Busca
Palavra-chave:
Categoria:
 

 

Wikipédia
Indique o portal
destaqueS do portal

25 de novembro - Dia Internacional pela Eliminação da Violência Contra as Mulheres (25/11/2016)
REDEH



        16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres

Hoje, dia 25 de novembro - Dia Internacional da Não Violência contra a Mulher -, se inicia a campanha 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra as Mulheres. Tal evento tem como objetivo incentivar a discussão e denunciar as situações de violência vivenciadas pelas mulheres.
A primeira edição da campanha 16 Dias de Ativismo ocorreu em 1991, através da reunião de mulheres de países diferentes no Centro de Liderança Global de Mulheres (Center for Women’s Global Leadership – CWGL/EUA). No entanto, o dia 25 de novembro é uma data que foi instituída durante o I Encontro Feminista da América Latina e Caribe, realizada em Bogotá, capital da Colômbia, no ano de 1981.
A mobilização, que acontece anualmente, tem hoje a adesão de cerca de 160 países e a atuação de integrantes da sociedade civil, organizações não governamentais e órgãos institucionais do poder público. No Brasil, os 16 Dias de Ativismo acontece desde 2003 através da organização de debates, encontros, palestras e ações de mobilização nos espaços públicos, onde todas se reúnem em favor do engajamento e enfrentamento pelo fim da violência contra a mulher.
Nesse contexto de luta, a Redeh lançou em 2013 a campanha Quem Ama Abraça! Na Escola – Pelo Fim da Violência Contra as Mulheres, que tem como objetivo principal refletir e sensibilizar sobre a problemática da violência de gênero dentro das escolas, reforçando ações de enfrentamento da questão.

 

 
 
REDEH 2008 ©. Todos os direitos reservados.